Beto Carreroooooooo…

Em um grupo de WhatsApp, conversando sobre promoções de passagens, surge uma brilhante ideia: – partiu Beto Carrero? E na mais pura sintonia todos respondem: – vamos!

O parque temático mais famoso do Brasil funciona das 9h às 18h e fica localizado no município de Penha, em Santa Catarina. Apesar de obter muitas atividades infantis, o ambiente agrada “gregos e troianos”, pois se trata de um universo lúdico que mistura emoções e adrenalina, algo que todos gostam independente da idade.
Foi uma viagem bem tranquila, onde tudo se encaixou perfeitamente: o tempo ajudou (apesar do frio, não choveu), as filas estavam pequenas, comemos bem (apesar dos preços exorbitantes da praça de alimentação do parque) e ainda conseguimos ver o primeiro jogo do Brasil na Copa do Mundo de 2018. Foi tudo lindo!

Apesar, de como já foi citado, ser um cenário mais infantil, destaco três atividades que me diverti muito:

1 – Tchibum: um canal de água onde os barquinhos-troncos passeiam a 15 metros de altura até despencarem a 80 km/h em um tanque de água. São duas subidas e descidas, que deixam os visitantes encharcados.

  • Nada mais divertido que ver a reação da sua namorada em um brinquedo que tem uma certa altura e você ainda se molha por inteiro.
  • Faça ele pelo final do dia, pois você fica realmente ensopado.

2 – Portal da Escuridão: Idealizado pela empresa de criações temáticas Indiana Mystery, inicialmente se chamava Castelo do Terror. Na atração, os visitantes passam por sete cenários inspirados em famosos filmes de terror, como “O Exorcista” e “O Massacre da Serra Elétrica”. A atração é paga à parte, ou seja, não está inclusa no passaporte.

  • É muito engraçado quando a pessoa que ficou com mais medo é a menos esperada. Não irei citar nomes para não constranger amigos.

3 – Fire Whip(Chicote de Fogo): Inaugurada no final de 2008 em comemoração aos 17 anos do Beto Carrero World, a Fire Whip, a primeira montanha-russa invertida do Brasil, tem 40 metros de altura, cinco inversões, 700 metros de extensão e atinge uma velocidade de quase 100 km/h. Com uma capacidade de atendimento de até 1.100 passageiros por hora, proporciona um sobrevoo por lagos e cachoeiras, em área cenográfica construída especialmente para a montanha-russa. Seu nome é uma homenagem ao icônico chicote do cowboy Beto Carrero. O custo total da montanha russa chegou à R$ 15 milhões.

  • O brinquedo mais épico do parque. Para quem gosta de se aventurar essa é a atividade certa. Sem dúvidas foi a minha atração preferida de toda a viagem.

Foi uma viagem realizada em um fim de semana. Fácil, prática e inesquecível.

Todo dia é Natal em Gramado

Como já dizia Hamilton Wright Mabie, bendita seja a data que une a todo mundo numa conspiração de amor. Ele estava se referindo ao Natal. Foi exatamente por esse motivo que resolvi mudar a minha organização e, pela primeira vez, ir viajar para um lugar na alta temporada, mesmo sabendo que iria gastar mais do que de costume. A magia do Natal Luz merece essa exceção!

Claro que não fui apenas para ver a iluminação da cidade (vale frisar que é extraordinária), mas também para consumir toda a riqueza turística que esse município, símbolo de segurança e organização, oferece.

Pórtico

O primeiro passo do percurso foi ir do Aeroporto de Porto Alegre para Gramado. Já adianto que é bem fácil, basta caminhar até o final do aeroporto e encontrará um guichê da empresa Citral. Para maiores informações e dúvidas pode acessar esse link.

Chegando na cidade, existem algumas programações possíveis de serem feitas. Irei destacar para vocês todas que fiz, menos as relacionadas ao Natal Luz, pois elas mudam todo ano, então é mais indicado dar uma olhada na época. Ah, o preço que paguei em certas atrações também devem estar mais caros do que na baixa temporada.

DIA 1
Como sempre digo, o primeiro dia é aquele momento de adaptação, então não dá pra fazer tantas coisas, mas com a ajuda do Uber , consegui ganhar tempo e fazer passeios bem interessantes. Destaco também a organização prévia. Um bom planejamento é fundamental para que tudo dê certo. Não estou falando de fazer tudo calculado e esquecer de viver o momento, mas sim de se estruturar para que as coisas aconteçam da forma que você espera.

Pórtico via Nova Petrópolis
Este é o mais antigo dos dois. Foi inaugurado no dia 6 de janeiro de 1973, com inspiração no estilo bávaro. A base é constituída de pedras e o topo de madeira. Ao lado, há jardins belíssimos que também merecem sua visita.
Endereço: Av. das Hortências, Gramado – RS, 95670-000

Mini Mundo
Parque em miniatura, tendo como destaque uma espetacular maquete. É um lugar ótimo para passeios em família. A criançada adora.
Valor: R$36
Horário de funcionamento: Diariamente, das 9h15 às 17h
Telefone: (54) 3286-4055
Endereço: Rua Horácio Cardoso, 291

Lago Negro
Um lago artificial situado no Bairro Planalto. Aberto diariamente, oferece passeio de pedalinhos, bar, restaurante e loja de conveniências.
Horário de funcionamento: Diariamente, das 8h30 às 19h
Endereço: Rua A. J. Renner, em frente a Associação Cultural Gramado e a Alameda do Artesanato

Rua Coberta
A charmosa galeria coberta de vidro e trepadeiras, reúne bares, cafés, bistrôs e lojas de roupas. Talvez seja o ponto mais movimentado do centro da cidade. O Natal luz nesse local é encantador.
Endereço: A “rua” fica na Avenida Borges de Medeiros.

DIA 2
O segundo dia, como já é de costume, estava mais esperto e preparado para o que tinha planejado. Esse dia não tem tanta coisa descrita abaixo, pois grande parte dele foi passeando em Canela, lugar que também irei descrever futuramente em um post. Aguarde, irei detalhar tudo direitinho.

Snowland
É o parque de neve mais famoso do Brasil. Possui 16 mil metros quadrados, sendo 8,1 mil m² dedicados à experiência com a neve. Era o passeio mais esperado e, apesar de ser menor do que imaginava, superou minhas expectativas.
Valor: R$170
Horário de funcionamento: Segundas a quintas-feiras das 9h às 18h, sextas, sábados e feriados das 9h às 20h, e domingos das 9h às 19h
Telefone: (54) 3295-6000
Endereço: ERS-235, 9009

Snowland

DIA 3
Este dia foi totalmente dedicado ao Tour no Maria Fumaça. Embaixo detalho a programação, e vocês vão entender porque não dá para fazer outra coisa no dia. Saí do hostel às 7h30 e só voltei às 22h.

Tour Maria fumaça
O passeio de Maria Fumaça acontece no Tour Uva e Vinho. A agência escolhida busca você no hotel pela manhã e te conduz durante todo o passeio. Durante o percurso, pelo menos no que eu fiz, estava incluso degustação de vinhos, queijos e espumantes, além da visitação a duas vinícolas, a queijaria Fetina de Formaio, a Tramontina, a malharia, ao labirinto verde em Nova Petrópolis e a Praça das Flores. Além de tudo isso, também está incluso o ingresso para o parque temático Epopéia Italiana.

Durante o passeio no Maria Fumaça acontecem apresentações com músicas e danças italianas.

Maria Fumaça

DIA 4
Este foi o dia mais complicado de achar passeios, pois o tempo não estava tão firme. Acabei tendo uma grata surpresa com o Parque das Lavandas, e uma decepção gigante com o Museu Super Carros, escolhi nem detalhar informações sobre ele, de tão caro e chato que foi.

Le Jardin – Parque de Lavandas
Parque super bem cuidado, com muitas espécies de lavanda (obviamente) e uma estufa. Um passeio gratuito, com uma proposta muito original.
Horário de funcionamento: De terça a domingo, das 9h30 às 17h30
Telefone: (54) 3286-4280
Endereço: ERS-115, 37700

Le Jardin

DIA 5
Entre várias opções de programação para fechar o último dia de passeio, creio que escolhi a melhor. Fechar a viagem, na cidade que tem o maior espírito natalino do país, visitando um local totalmente estruturado com a magia do Natal foi lindo demais. As cores, os brinquedos, as renas, tudo fez remeter aquela ilusão infantil da chegada do Papai Noel. É um lugar excepcional.

Aldeia do Papai Noel
Parque temático de Natal com a casa do Papai Noel, fábrica de brinquedos, neve artificial, trem e monotrilho.
Ingresso: R$35
Funcionamento: 09:00 às 17:30. Informamos que a bilheteria do parque encerra 30 minutos antes do fechamento dos portões.
Endereço: R. Bela Vista, 353 – Centro, Gramado – RS, 95670-000

Aldeia do Papai Noel

Conhecer Gramado foi uma experiência enriquecedora, criei um novo olhar sobre o Natal e também compreendi que é possível existir no Brasil uma cidade que tem segurança, organização, honestidade etc, basta as pessoas de bem começarem a batalhar e cobrar por isso, e os governantes entenderem o que significa caráter. Eu vivi um sonho que espero que se torne realidade.