Confeitaria Colombo: uma viagem ao túnel do tempo

Aquela terça-feira não foi programada pra isso, mas depois de alguns compromissos cancelados, alheios a nossa vontade, resolvemos pegar as barcas e mudar os planos, lanchar na famosa e tradicional Confeitaria Colombo. Já fazia algum tempo que meu filho queria que eu conhecesse a Colombo, especificamente a do centro do Rio. Sabendo que sou apreciadora de coisas que nos remetem ao passado, ele sempre dizia que a arquitetura, os objetos, a louça, a maneira de se vestir e de se comportar dos funcionários, o cuidado nos detalhes, me impressionariam.

Foto: Divulgação

Permanecemos no local por poucas horas, mas o bastante pra ter aquela sensação que entramos num túnel do tempo, onde usávamos roupas do futuro, mas nos sentíamos no passado, contagiados pela magia do lugar.

Foi depois de andar por ruas tortuosas, camelôs barulhentos, pessoas correndo para o trabalho, prédios super modernos, chegamos naquele lugar, onde não existe pressa, só uma vontade de pedir um chá, uma fatia de bolo, e junto com meu filho (agora, um menino), aproveitar. Porém, eu sabia, que em poucos minutos, ao colocar o pé na calçada, o futuro voltaria, e meu filho cresceria… mas o importante é que sempre podemos voltar… quem sabe… em outro dia.